http://www.imprensaregional.com.pthttp://www.imprensaregional.com.pt/crescendo
Diretor: João Matias Valente Azevedo | Última Atualização: 08-07-2014
 
logótipo
Pesquisa:
Agricultura na nossa Terra
Um relvado ideal
14/01/2009, 12:43
A questão estética é um pouco inquestionável, não há jardim mais belo do que aquele cujo fundo é constituído pelo verde vivo de uma relva saudável. Se está realmente motivado a ter um relvado no seu terreno então antes de tudo o resto, tem de se informar sobre qual a relva adequada para o solo do seu jardim. Comece por avaliar o seu espaço relativamente à luz, temperatura, humidade e vento. Considerações relativas ao espaço a relvar, como localização ao sol ou à sombra, são também imprescindíveis. Outro aspecto importante é a utilização a dar ao seu relvado. O espaço vai servir apenas para ornamentar como pintura de fundo verde às suas flores? Ou servirá para os seus filhos jogarem a bola e brincarem em corridas frenéticas com os cães da casa? Ou o que se pretende com a colocação da relva um confortável lençol de exterior para longas tardes de descanso (isto não é para todos) à beira de uma excelente piscina?

Tem de optar por uma destas funcionalidades para a sua relva, pois dificilmente encontrará uma espécie de relva que abarque as três opções. Finalmente dedica-se quanto à rapidez dos resultados. Quer ver a relva logo desde o primeiro dia ou quer esperar por uma relva de crescimento mais lento mas de maior resistência?

Se pretende ter um relvado imediatamente após a decisão, existem várias empresas cujas soluções de relvado imediato, passam pela colocação de tapetes de relva.

Cuidados na manutenção 

A área do relvado deve estar constantemente húmida, o que não queremos dizer com isto, encharcada (regar em excesso, pode ter um resultado inverso). Durante as primeiras semanas na Primavera /Verão devem regar todos os dias, no entanto, nesta altura que decorre, o Inverno, estas só serão necessárias em casos especiais. Só deve fazer o primeiro corte quando as plantas atingirem os 10/12cm de altura (corte de 6/7cm). É essencial um corte regular para evitar a tendência da planta queimar ou espigar. A ideia essencial é de que, quanto mais frequente fôr o corte, maior será a densidade da relva.

A título de curiosidade, nos campos de golfe, a relva é aparada todos os dias e é essa a explicação fundamental, para a beleza contínua desses espaços.

Como fertilizar?

Deve alimentar a sua relva com fertilizantes ricos em azoto de libertação lenta durante o período vegetativo. No início do Inverno, Janeiro /Fevereiro deve fazer uma segunda fertilização para aumentar a resistência das plantas nos últimos dias, de Norte a Sul do País.

Considerações finais

Com estes nossos dados, se chegou à conclusão, que um relvado significa gastos de tempo e de dinheiro muito elevados. Numa altura em que se tem uma crescente preocupação com a sustentabilidade, então "feche a torneira de vez" e opte pelos prados, uma alternativa que nada fica a dever, em beleza, aos relvados e cuja manutenção é drasticamente reduzida, sendo que os prados apenas precisam de dois cortes por ano.

Publicidade
Publicidade
Eventos
Inquérito
Livro de Visitas
Não existem entradas novas.
Farmácias de Serviço
Previsão do Tempo
Ficheiros
Galeria de Imagens
Homem da Maça - Situado no Monte de S. Brás esta estátua de pedra simboliza um homem que neste local enfrentou uma fera mantando-a com a maça de maçar o linho.
Homem da Maça
This website is ACAP-enabled