http://www.imprensaregional.com.pthttp://www.imprensaregional.com.pt/diariodosul
Diretor: Manuel Madeira Piçarra | Última Atualização: 30-07-2014
logótipo
Geral

No passado fim-de-semana, de 11 a 13 de Julho realizou-se na barragem do Divor um evento de três dias que deu a conhecer a todos os participantes as belas paisagens alentejanas, os produtos regionais, promoveu a preservação do ambiente e terminou com a celebração do amor num lindo casamento.
A Geo Barracada II, tal como foi designada, iniciou-se sexta-feira, dia 11 de Julho, com uma caminhada nocturna onde foi possível observar a lua cheia a reflectir na barragem do Divor.
No segundo dia tivemos uma visita ao CITA - Centro interpretativo do Tapete de Arraiolos e à Herdade da Amendoeira onde foi possível perceber como este tipo de produtos tipicamente alentejanos são produzidos e qual a sua importância na economia da nossa região. Na parte da tarde realizou-se a celebração de uma bela cerimónia de casamento de dois geocachers, um momento marcante na celebração do geocaching e do amor.
Para terminar este belo fim-de-semana, nada melhor do que desfrutar do Domingo com um belo gaspacho, bem alentejano, seguido de actividades aquáticas proporcionadas por este belo local. No fim do dia foi ainda realizado um evento de caracter ambiental, cujo objetivo foi recolher o lixo acumulado ao longo de toda a barragem.
Todo este evento não seria possível de se realizar sem o apoio da Junta de Freguesia de Igrejinha e da Comissão de Festas de Igrejinha, que prontamente se disponibilizaram em ajudar.
O Geo Alentejo convida todos a descobrirem os encantos do Geocaching, uma caça ao tesouro que nos permite imaginar, descobrir e conhecer o melhor que Portugal têm.

30/07/2014, 14:54

A Comissão Europeia adotou um acordo de parceria com Portugal, no qual se define a estratégia para otimizar a utilização dos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento da UE em todo o país. O acordo hoje adotado abre caminho para o investimento de 21,46 mil milhões de euros ao abrigo da política de coesão, no período de 2014-2020 (preços correntes, incluindo o financiamento do objetivo de cooperação territorial europeia e a dotação da Iniciativa para o Emprego dos Jovens). Portugal recebe ainda 4,06 mil milhões de euros destinados ao desenvolvimento rural e 392 milhões de euros para as pescas e o setor marítimo.

30/07/2014, 14:52

Decorreu em Ayamonte, no Salão de Plenos da autarquia espanhola, a apresentação da rede de transportes da Eurocidade do Guadiana (Ayamonte, Castro Marim e Vila Real de Santo António).

Sendo a mobilidade uma área de intervenção estratégica para a Eurocidade, vai arrancar já em setembro um serviço regular de transporte público de passageiros, colmatando uma das grandes faltas que se sentem no território neste âmbito.

A nova linha de transportes, apresentada hoje na reunião em que estiveram presentes representantes dos três municípios da Eurocidade e o representante da COEMIV (Cooperativa Española de Movilidad Internacional de Viajeros Soc. Coop. And.), responsável pela prestação dos serviços, chama-se “Linha Regular Intercity Eurocidade do Guadiana”.

Segundo o representante da COEMIV, vai ser assegurado um serviço regular internacional de transporte rodoviário de passageiros, permitindo ligar, de forma permanente e durante todo o ano, os três municípios da Eurocidade do Guadiana. O serviço será prestado diariamente ligando as principais localidades e os principais núcleos turísticos, onde se localizam os hotéis e apartamentos turísticos, com zonas comerciais.

A Eurocidade do Guadiana colabora com a COEMIV no estabelecimento de estratégias de divulgação do serviço, da apresentação do serviço aos agentes económicos e sociais e da definição do melhor itinerário, paragens, calendário e horário.

 

No âmbito dessa colaboração, os munícipes do território da Eurocidade poderão beneficiar de um desconto no preço dos bilhetes mediante a apresentação do Cartão do Eurocidadão.

30/07/2014, 14:50
30/07/2014, 09:46

· Comissão Europeia autoriza aquisição da Beats pela Apple

A Comissão Europeia autorizou, ao abrigo do Regulamento das concentrações da UE, a aquisição pela Apple das empresas Beats Electronics e Beats Music. A Beats Electronics foi criada em 2008 e concebe, desenvolve e comercializa produtos áudio, como auscultadores e altifalantes. A Beats Music derivou da Beats Electronics em 2013 e oferece um serviço de música em linha em streaming nos Estados Unidos e na Austrália, permitindo aos consumidores beneficiar de música em fluxo contínuo (stream) no seu computador ou dispositivo móvel contra uma taxa mensal ou anual. Quer a Beats Electronics quer a Apple vendem auscultadores no Espaço Económico Europeu (EEE). A Comissão concluiu que a concentração das duas empresas não coloca problemas de concorrência, uma vez que a quota de mercado combinada da Apple e da Beats Electronics é reduzida. Além disso, a Apple e a Beats Electronics não são concorrentes próximos, uma vez que os auscultadores que vendem apresentam funcionalidades e um design marcadamente distintos. Por outro lado, mesmo após a operação, um grande número de concorrentes mundiais, tais como a Bose, a Sennheiser e a Sony continuariam no mercado. A Comissão examinou igualmente os efeitos prováveis da operação em termos da distribuição de música em suporte digital aos consumidores. Tanto a Apple como a Beats Music são ativas neste domínio. A Apple oferece um serviço de telecarregamento de música através do iTunes e a Beats Music oferece um serviço de música em linha em streaming, embora atualmente não disponível no EEE. A Comissão concluiu que a Apple enfrenta vários concorrentes no EEE como o Spotify e o Deezer, tornando improvável que a aquisição de um serviço de difusão de menores dimensões, que não exerce atividades no EEE, possa conduzir a efeitos anticoncorrenciais. Além disso, a Comissão concluiu que a operação não daria à Apple a capacidade e o incentivo para excluir serviços de streaming concorrentes do acesso ao iOS, o seu sistema operativo para dispositivos móveis. Baseou esta conclusão, entre outros, no facto de a Apple já se encontrar ativa no domínio da distribuição de música digital antes da concentração. Por conseguinte, a concentração não conduziria à alteração da capacidade ou do incentivo da Apple para bloquear o acesso ao seu iOS. Mais informações no sítio Web da DG Concorrência, no registo de processos da Comissão, sob o número de processo M. 7290

· Aeroportos mais ecológicos graças à tecnologia financiada pela UE

Anualmente, no verão, milhões de europeus aterram em aeroportos do continente em busca de sol e aventura. À medida que o número de utilizadores aumenta exponencialmente, o mesmo acontece com os custos e a pegada ambiental do funcionamento de um aeroporto. Sabia que os aeroportos consomem tanta energia como pequenas cidades? É por esta razão que os investigadores europeus utilizaram o financiamento da Comissão Europeia para desenvolver um novo sistema de programas informáticos e de sensores para reduzir as emissões de carbono e os custos energéticos em 20% nos aeroportos. Estão a decorrer experiências-piloto nos aeroportos de Roma Fiumicino e de Milão Malpensa. O novo sistema, designado CASCADE, permitirá a estes aeroportos italianos poupar, pelo menos, cerca de 6 000 MWh, o que equivale a 42 000 toneladas de CO2 e 840 000 euros por ano. A Vice-Presidente da Comissão Neelie Kroes declarou a este respeito: «Viajo frequentemente por questões de trabalho e acredito plenamente que os nossos aeroportos devem tornar-se mais inteligentes e ecológicos».

(Desenvolvimento em IP-14-880)

 

28/07/2014, 14:29

A Plataforma Transgénicos Fora realizou em dez cadeias de hipermercados um levantamento das farinhas de milho provenientes de milho geneticamente modificado (GM, ou transgénico) e encontrou uma clara diferenciação entre eles. Enquanto que sete das insígnias não apresentavam qualquer item com milho transgénico nas suas prateleiras, seja em farinhas, amidos, sêmolas ou polentas, uma delas retirou imediatamente de circulação esses itens após alerta da Plataforma. Apenas duas vendiam e continuam a vender farinha de milho GM.

 

Muito embora tanto o Continente como o Froiz tenham instituído como políticas internas a exclusão dos transgénicos nos produtos de marca própria, nem um nem o outro reconheceu a necessidade de estender tal garantia aos restantes alimentos à venda. Infelizmente o Froiz não sentiu sequer necessidade de responder às duas cartas registadas que recebeu sobre o assunto.

 

Já o El Corte Inglés merece menção especial pela forma como colocou a segurança dos seus clientes e a qualidade da sua oferta acima de outros interesses, tendo eliminado com grande celeridade do seu inventário todos os produtos que continham milho GM. Nas restantes empresas visitadas, Aldi, E. Leclerc, Intermarché, Jumbo, Lidl, Minipreço e Pingo Doce, não foi detetado qualquer transgénico nas categorias referidas.

 

Neste ponto preciso Portugal revela uma situação favorável, já que apenas duas cadeias de hipers vendem um único produto à base de milho que contém milho transgénico. Trata-se, em ambos os casos, da farinha de milho branco da marca P.A.N., um produto da Colômbia e importado via Venezuela. O importador português foi repetidamente contactado pela Plataforma Transgénicos Fora mas recusou-se a discutir alternativas a este produto.

 

A Plataforma Transgénicos Fora apela assim aos consumidores portugueses para o boicote a esta marca concreta. Note-se que, ao contrário do setor dos óleos, onde temos produtos altamente refinados e quase 100% gordura (e cujo teor transgénico foi inventariado em 2013 pela Plataforma Transgénicos Fora), as farinhas e sêmolas apresentam um potencial de risco para a saúde (alergias e não só) muito superior visto conterem todo o DNA e proteína transgénica oriundo dos grãos originais.

 

 

O levantamento foi realizado nos últimos três meses em uma loja das dez grandes superfícies das áreas metropolitanas do Porto ou de Lisboa e foram catalogados 60 itens no total das lojas. Os dados recolhidos pelos voluntários da Plataforma Transgénicos Fora podem ser descarregados em http://tinyurl.com/milhoGMhipers. Este trabalho foi isento, não tendo sido patrocinado nem sujeito a qualquer entendimento com qualquer entidade externa à Plataforma Transgénicos Fora.

28/07/2014, 14:25

Em plena paisagem de Los Pedroches, entre carvalhos centenários e gado autóctone, o "Cortijo Palomar de la Morra" data do ano de 1898. Conserva todas as características dos "cortijos" (quintas típicas da Andaluzia e Extremadura), onde a tradição, a cultura e o prazer "andam de mãos dadas".

Após uma cuidada renovação, foi possível adaptar a habitação às necessidades do século XXI e passou a ser gerida como alojamento rural de fins múltiplos (áreas desportivas, remo, pesca, caminhadas, caça, golf, casamentos...) .

Encontra-se localizada em plena paisagem do Valle de los Pedroches (Córdoba), a três quilómetros de Pozoblanco. É de realçar que na quinta podem encontrar-se todos os tipos de gados autóctones (porco ibérico, ovelha merina, vaca retinta, ...).

Este espaço tem ainda a mais-valia de estar muito próximo da área de lazer de Pozoblanco (clube de golfe, clube hípico, clube de pesca ou campo de tiro, o que permite a realização de diferentes actividades, quer na quinta, quer na zona envolvente.

Em relação ao Club del Jamón Ibérico (Clube do Presunto Ibérico), a gerente de "El Palomar de la Morra", María Rubio Moreno, salienta que "esta é uma nova iniciativa em que queremos participar".

A mesma responsável refere que "estamos convencidos de que a criação de porco ibérico de bolota e a cura dos presuntos são modelos de produção únicos no mundo e vale a pena que sejam conhecidos pelos nossos clientes". Na sua opinião, "são estrelas da nossa gastronomia que são promovidas através desta iniciativa".

 

Maria Rubio Moreno considera ainda que o Clube do Presunto Ibérico é "uma boa iniciativa que acrescenta mais valor à oferta turística do nosso negócio, em particular, e da nossa região, em geral".

28/07/2014, 10:33

A Associação e o Conservatório Regional de Évora “Eborae Mvsica” promove nos dias 29,30, 31 de Julho e 1 de Agosto o II Workshop de Percussão sob a orientação de Nuno Moisés. Destina-se a alunos de percussão, músicos de bandas filarmónicas, interessados em Percussão (idade mínima 8 anos). As inscrições estão abertas até ao dia 28 de Julho.

 

 

O Workshop de Percussão tem como objetivos estimular a aprendizagem e desenvolvimento das capacidades técnico/musicais dos formandos.

25/07/2014, 11:22

Foram concluídos no dia 23 de julho os trabalhos de automatização, mediante instalação de sinalização e meias barreiras, de um lote de oito passagens de nível (PN), uma localizada na Linha do Minho, concelho de Valença e as restantes sete na Linha do Algarve, nos concelhos de Faro e Olhão.

A entrada em funcionamento dos sistemas automáticos das diferentes PN decorreu de forma faseada entre 17 de abril e esta data.

As obras, que representam um investimento na ordem dos 883 mil euros, foram adjudicadas à empresa EFACEC – Engenharia e Sistemas, SA, tendo a gestão, coordenação e fiscalização dos trabalhos sido assegurada por meios internos da REFER.

Para além das automatizações agora concluídas, a REFER tem em curso idêntica intervenção num conjunto de 12 PN nas linhas do Minho, Oeste e Alentejo, com um investimento associado de cerca de 1,7 milhões de euros.

Até ao final do ano serão ainda automatizadas duas PN na Linha da Beira Alta, duas na Linha de Vendas Novas e uma outra, pedonal, na Linha do Algarve junto à Marina de Faro.

Estas ações inscrevem-se no Plano de Supressão e Reclassificação de Passagens de Nível que a REFER tem em curso desde 1999, e que permitiu suprimir mais de 65% das PN existentes e melhorar as condições de segurança em cerca de 700 das que subsistem, com um investimento global na ordem dos 350 milhões de euros, tendo em vista a redução do número de acidentes e vítimas nestes atravessamentos.

25/07/2014, 11:18

Em 2013 as rádios no ROLI registaram mais de 21 milhões de horas de escuta.

 

21.210.360

Este foi o número total de horas, para escuta de emissão, que as rádios presentes no serviço ROLI ? Rádios on-line na Internet registaram ao longo do ano passado.

Estas horas de escuta foram repartidas por mais de 7 milhões e meio de ouvintes ? 7.863.421 ouvintes, mais precisamente ?, o número de acessos que as rádios no ROLI registaram durante o ano.

 

O grande destaque do ano passado vai para o mês de Outubro que registou perto de 3 milhões de horas ouvidas, um recorde absoluto para os números do ROLI.

24/07/2014, 12:01

A mestre, Cláudia da Silva Gonçalves ex-aluna do Curso de Mestrado de Agronomia e atual bolseira de investigação do projeto “Proteção da oliveira em modo de produção sustentável num cenário de alterações climáticas globais: ligação entre infraestruturas ecológicas e funções do ecossistema EXCL/AGR-PRO/0591/2012”, desenvolveu a dissertação intitulada “Efeito do sistema de cultivo de olivais do Baixo Alentejo nas comunidades de formigas” na Escola Superior Agrária no âmbito do projeto “PTDC/AGR-PRO/111123/2009: A utilização de indicadores biológicos como ferramentas para avaliar o impacte de práticas agrícolas na sustentabilidade do olival” financiado pela FCT.

24/07/2014, 11:58

O portal espanhol Cincuentopía publicou uma entrada especial dedicada ao Alentejo na sua secção de viagens "En ruta por". Intitulada "Em Rota pelo... Alentejo de Portugal", a entrada é acessível através do link: http://cincuentopia.com/en-ruta-por-alentejo-de-portugal/

Cincuentopía explica as principais características geográficas e demográficas desta extensa região portuguesa, com mais de 30 mil quilómetros quadrados e uma baixa densidade populacional.

No portal é proposta uma visita detalhada a sete das principais localidades do Alentejo: Mértola, Beja, Serpa, Évora, Monsaraz, Elvas e Castelo de Vide. Há ainda referências a outros concelhos, como Borba, Estremoz, Marvão, Moura, Portalegre ou Reguengos de Monsaraz.

Esta entrada no portal inclui um vídeo sobre o Alentejo, acessível em http://www.youtube.com/watch?v=wHRhWv9vkwo#t=32, intitulado "Tempo para ser feliz". Apresenta também sites na internet de particular utilidade e destaca um guia para viagens em família do portal VisitAlentejo, com 21 pontos e um mapa interactivo multimédia.

Sob o lema "A vida começa aos 50", o portal Cincuentopía é dirigido a quem tem mais de 50 anos. O portal é maioritariamente constituído por pessoas que já entraram nesta idade, mas que consideram que têm muito para dizer, fazer e pensar, em diferentes facetas.


Os seus conteúdos organizam-se em torno de cinco grandes temáticas: contar, ler, arte, recordar e fantasiar. Dispõe ainda de uma sala de exposições virtual, concebida como uma viagem online para partilhar sensações e experiências artísticas. O Cincuentopía está presente no Facebook, Twitter, Google+, Pinterest e YouTube.

24/07/2014, 10:27

A ALIENDE- Associação para o Desenvolvimento Local, foi constituída em 23 de Julho de 1994 por um núcleo de pessoas maioritariamente ligadas à intervenção social e ao ensino e disponíveis para o envolvimento ativo na construção do desenvolvimento a partir de uma abordagem local.

23/07/2014, 12:22

Segundo um novo relatório da Comissão Europeia, as organizações de salvaguarda do património cultural devem aproveitar as oportunidades proporcionadas pelos programas de financiamento e pelas políticas da União Europeia para as ajudar a enfrentar os desafios com que o setor se defronta. Este documento de estratégia, intitulado «Rumo a uma abordagem integrada do património cultural europeu», revela que o setor se encontra numa «encruzilhada», com a redução dos orçamentos públicos, a queda na participação em atividades culturais tradicionais e a diversificação das potenciais audiências devido à urbanização, à globalização e à evolução tecnológica. Ao mesmo tempo, sublinha as oportunidades que se oferecem aos Estados-Membros e a outras partes interessadas de trabalharem em mais estreita colaboração além-fronteiras a fim de assegurar que o setor do património cultural contribui cada vez mais para o crescimento sustentável e o emprego.

Androulla Vassiliou, Comissária Europeia para a Educação, a Cultura, o Multilinguismo e a Juventude, declarou: «A Europa precisa de maximizar o valor intrínseco, económico e societal do património cultural. Deve tornar-se o centro da inovação com base no património, aproveitando as oportunidades criadas pela digitalização e promovendo o nosso conhecimento neste domínio a nível mundial. Em toda a UE, nos monumentos e museus, temos de promover uma abordagem mais virada para o público, utilizando novas técnicas e tecnologias para atrair visitantes e chegar nomeadamente aos jovens. Em suma, temos de dar vida à História. Congratulo-me com o facto de o património poder beneficiar de um maior apoio europeu ao longo dos próximos sete anos.»

O relatório apela a uma maior cooperação a nível da UE na partilha de ideias e boas práticas, que depois podem ser integradas nas políticas e na governação do património nacional. Congratula-se também com a abordagem da UE consubstanciada na Diretiva «Avaliação do Impacto Ambiental», que exige a tomada em conta do impacto de qualquer projeto no património cultural, e pelo Regulamento Geral de Isenção por Categoria, que torna possíveis os auxílios estatais para o setor. O relatório encoraja ainda a adoção de uma abordagem semelhante para apoiar o património ao nível mais vasto da elaboração de políticas da UE, mas também à escala nacional e regional.

O património cultural beneficiou já de um financiamento significativo da UE, incluindo 3,2 mil milhões de euros provenientes do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional no período de 2007-2013. A grandes obras de preservação do Partenon e de Pompeia estão entre os projetos que receberam apoio. Os programas da UE proporcionaram um montante complementar de 1,2 mil milhões de euros para o património rural e cerca de 100 milhões de euros para a investigação relacionada com o património. O património cultural deverá beneficiar de ainda mais investimentos da UE em 2014-2020, por exemplo através dos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (com um orçamento total de 351 mil milhões de euros para a política regional), do Programa-Quadro Horizonte 2020 (80 mil milhões de euros para investigação) e do programa Europa Criativa (1,5 mil milhões de euros para as indústrias culturais e criativas).

Existem igualmente importantes oportunidades políticas e de financiamento em muitos domínios relacionados com o património cultural, como o desenvolvimento local e regional, a educação, o apoio às PME e o turismo. De facto, o turismo na UE movimenta 415 mil milhões de euros por ano e representa 15 milhões de postos de trabalho – muitos ligados, direta ou indiretamente, ao património. Cerca de 27 % dos viajantes da UE abordados para um inquérito Eurobarómetro sobre turismo (maio de 2011) afirmaram que o património cultural é um fator essencial na escolha de um destino.

Antecedentes

Em maio deste ano, os Ministros da Cultura da UE instaram a Comissão a «prosseguir a análise do impacto económico e social do património cultural da UE e a contribuir para o desenvolvimento de uma abordagem estratégica».

A comunicação hoje adotada pela Comissão constitui a resposta a este pedido. É seu objetivo ajudar os Estados-Membros e as partes interessadas a tirarem o máximo partido do apoio significativo ao património disponível ao abrigo dos instrumentos da UE, progredindo no sentido de uma abordagem mais integrada a nível nacional e da UE e, em última análise, tornando a Europa um laboratório de inovação com base no património.

O apoio ao património cultural a nível da UE fundamenta-se no artigo 3.º, n.º 3, do Tratado da União Europeia, que estabelece que a União vela pela salvaguarda e pelo desenvolvimento do património cultural europeu. O artigo 167.º do Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia afirma que a União contribuirá para o desenvolvimento das culturas dos Estados-Membros, respeitando a sua diversidade nacional e regional, e pondo simultaneamente em evidência o património cultural comum.

A acompanhar a comunicação, a Comissão elaborou igualmente um relatório com mais pormenores sobre a política e os programas de financiamento da UE pertinentes para o setor do património.

Para mais informações:

Comunicação – Rumo a uma abordagem integrada do património cultural europeu

Mapping report – heritage in EU policies

Sítio Web da Comissária Vassiliou

Sítio web EuropaCriativa

 

Siga Androulla Vassiliou no Twitter @VassiliouEU

23/07/2014, 12:20

Este prémio distingue o parceiro que mais se destacou pelo seu compromisso e contributo na adoção das tecnologias Microsoft em Portugal.

23/07/2014, 12:15

 

#ConnectedContinent #broadband

 

A Comissão Europeia publicou um relatório sobre mercados de telecomunicações e regulamentação na UE. O relatório abrange os anos de 2012 e 2013.

Principais conclusões do relatório:

Em 2013 verificou-se novamente um decréscimo das receitas da indústria, mas o investimento está a começar a crescer;

A utilização de serviços de telefonia tradicional está a diminuir enquanto os serviços Internet (VoIP) se estão a tornar cada vez mais populares;

O tráfego de dados está a crescer rapidamente;

Os preços das chamadas móveis de voz e dos serviços de dados são mais elevados na UE do que nos EUA e a utilização das comunicações móveis é mais elevada nos EUA, o que resulta numa «receita média por utilizador» mais elevada nos Estados Unidos;

Apenas a Dinamarca, a Alemanha, a Letónia e Malta cumpriram o objetivo de 2012 no que diz respeito à autorização das faixas específicas de espetro; 21 Estados-Membros acabaram por cumprir o objetivo em 2013, mas o atraso na atribuição da faixa dos 800 MHz retardou significativamente a implantação das comunicações móveis 4G em toda a UE;

O tempo necessário para a obtenção de licenças para a implantação de novas redes varia de alguns dias até anos, consoante o país da UE em que está a ser desenvolvida a rede. A maioria das autoridades ainda não permite a apresentação de pedidos por via eletrónica.

A Vice-Presidente da Comissão Europeia @NeelieKroesEU declarou: «Estamos claramente ainda muito longe de ser um verdadeiro mercado único. Temos de reduzir a burocracia e precisamos de uma ação regulamentar mais coerente, tanto a nível nacional como da UE, para construir esse mercado único. Uma rápida implementação da Diretiva Redução dos Custos da Banda Larga contribuirá para esse objetivo, mas ainda há mais a fazer

Infraestrutura

O relatório revelou também que o acesso a uma infraestrutura de telecomunicações passiva é fragmentado, complexo e moroso em alguns Estados-Membros, nomeadamente na Bélgica, Bulgária, República Checa, França, Luxemburgo, Malta e Polónia.

Questões relacionadas com o consumidor

Verificam-se diferenças substanciais entre os Estados-Membros em matéria de tarifas grossistas para a portabilidade dos números, ou seja, o custo cobrado a um concorrente pela transferência de um número de assinante.

Banda larga

A maioria dos países europeus estabeleceu planos de banda larga (com exceção da Grécia, Roménia e Chipre, que estão em vias de finalização dos seus planos de banda larga); o financiamento dos projetos nacionais de banda larga varia consideravelmente (por exemplo, através de fundos públicos nacionais sob a forma de auxílios estatais ou dos Fundos Estruturais da UE).

Antecedentes

O relatório abrange uma variedade de questões regulamentares: regulação dos mercados, planos e financiamento da banda larga, autoridades reguladoras nacionais, autorização, gestão do espetro, direitos de passagem e acesso a infraestruturas passivas, acesso e interconexão, questões relativas aos consumidores, serviço universal e neutralidade da rede. Estas questões são descritas no contexto da evolução do mercado, da competitividade e dos objetivos da Agenda Digital. O relatório abrange o período de janeiro de 2012 a dezembro de 2013.

Ligações úteis

Ligação ao relatório

Sítio web de Connected Continent

Sítio Web de Neelie Kroes

 

Siga Neelie Kroes no Twitter

23/07/2014, 12:13
No V Centenário da Canonização de S. Bruno o Convento Santa Maria Scala Coeli, celebrou uma Missa presidida por Sua Eminência Arcebispo de Évora D. José Sanches Alves.
A celebração contou também com a presença de D. Manuel Madureira Dias, bispo emérito do Algarve e do Prior da Cartuxa e os restantes membros da Ordem residentes no Convento.
Na Missa esteve presente Don Juan Mayo, que apresentou nessa mesma tarde em Lisboa, no Convento de Laveiras, a “Vida Cartusiana”.
A Congregação voltou a Évora em 1960 e permanece até hoje no Convento da Cartuxa.
22/07/2014, 16:07

Serviços de reparação de eletrodomésticos e revisão de redes de gás e de eletricidade reforçam posicionamento da EDP no segmento da assistência técnica

22/07/2014, 10:19

Desde 1995, a Repsol tem sido o patrocinador principal da equipa de fábrica da Honda no MotoGP e, após 20 anos de sucessos na competição e de desenvolvimento tecnológico, a Repsol e a Honda decidiram prolongar a sua parceria especial por mais três anos, até ao final de 2017.

Esta é a parceria de patrocínio mais longa numa equipa de fábrica, na história do Campeonato do Mundo de Motociclismo, tendo já imortalizado as motos da equipa Repsol Honda em verdadeiros símbolos do desporto motorizado. O Campeão do Mundo em título, Marc Marquez e o seu colega de equipa Dani Pedrosa, vão continuar a representar estas duas prestigiadas marcas como pilotos da equipa de fábrica.

Esta parceria - que, este ano, celebra o seu 20º aniversário - teve início em Fevereiro de 1995, resultando numa combinação perfeita entre moto, combustível e lubrificantes que originou um sucesso e desenvolvimento tecnológico sem precedentes. Ao longo destes 20 anos, a equipa Repsol Honda arrecadou 10 títulos de pilotos e 133 vitórias em grandes-prémios, com destaque especial para as 35 vitórias de Mick Doohan e as 25 de Dani Pedrosa.

21/07/2014, 16:23

O novo ASIMO, a mais recente geração do robot humanóide da Honda, e o UNI-CUB β foram esta semana apresentados na Europa, numa conferência de imprensa realizada nos Estúdios ASIMO em Bruxelas, Bélgica.

21/07/2014, 16:16
1 | 2 | 3 | 4 | > | >>
Área do Subscritor

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Galeria Multimédia
Eventos
Marés
PSI-20
Notícias para Telemóvel
Transferir Clique aqui para transferir a aplicação em Java ME.
Galeria de Imagens
Rádio Telefonia - sem descrição
Rádio Telefonia
This website is ACAP-enabled