http://www.imprensaregional.com.pthttp://www.imprensaregional.com.pt/linhasdeelvas
Diretor: João Alves e Almeida | Última Atualização: 31-10-2014
 
logótipo
Edição:
Pesquisa:
Newsletter:
Área do Subscritor:
Região
Portalegre: Unidade de Cuidados Continuados de Longa Duração e Manutenção cria 30 postos de trabalho
07/12/2010, 14:06
Igreja de Urra

A primeira Unidade de Cuidados Continuados de Longa Duração e Manutenção (UCCLDM) do Alentejo, inserida no programa Modelar 1, já está em funcionamento no concelho de Portalegre, permitindo a criação de mais de 30 postos de trabalho.
Na sequência de um investimento superior a 1,3 milhões de euros, o projecto está inserido no plano de ampliação do Centro Social e Paroquial de São Tiago de Urra, no concelho de Portalegre.
"Esta unidade tem capacidade para 30 utentes e queremos ser uma referência na qualidade de cuidados de saúde junto dos nossos idosos e doentes", disse o presidente do Centro Social e Paroquial, o pároco Marcelino Marques.
A obra foi apoiada pelo Estado, através da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo, ao abrigo do Programa Modelar 1, com uma comparticipação de 750 mil euros.
Considerado pela população local como o "Autarca do Clero", Marcelino Marques acredita que este equipamento vem "revolucionar" a história da instituição e da comunidade e, desta forma, vem trazer àquela região alentejana uma "lufada de ar fresco" no combate ao desemprego.
"Através desta obra mostramos que estamos atentos ao desemprego, porque no fundo é uma bola de oxigénio, uma lufada de ar fresco que trazemos à região e a este concelho, em particular, que é um dos que regista uma taxa de desemprego mais alta do nosso país", declarou.
A aguardar a inauguração oficial, por parte de um representante do Governo, a UCCLDM do Centro Social e Paroquial de São Tiago de Urra foi construída numa área de 2300 metros quadrados, no período de "pouco mais de um ano".
"Nós fomos os primeiros a concluir e a abrir as portas desta instituição, no Alentejo", disse, orgulhoso.
A directora de serviços da unidade, Leopoldina Mata, explicou que o espaço "vem dar respostas" às necessidades da comunidade, maioritariamente "envelhecida", com um serviço de "muita qualidade".
"Neste espaço vamos prestar vários serviços, pois vamos ter um médico, um médico fisiatra, fisioterapeuta, terapia ocupacional, terapia da fala, animador e enfermeiros a tempo inteiro, entre outras mais-valias para garantir a qualidade do serviço", assegurou.
Anteriormente ao aparecimento deste projecto, o Centro Social e Paroquial de São Tiago de Urra já prestava serviços sociais a 60 utentes, nomeadamente na valência de lar de idosos, a 30 utentes no apoio domiciliário e a 14 utentes na valência de centro de dia.
Esta instituição possui ainda um centro de actividades de tempos livres para duas dezenas de crianças, após horário escolar, empregando, neste conjunto de serviços, 42 trabalhadores.

Partilhar:
Comentários
Não existem comentários.
Publicidade
Publicidade
Eventos
Farmácias de Serviço
Previsão do Tempo
Marés
PSI-20
Inquérito
Notícias para Telemóvel
Transferir Clique aqui para transferir a aplicação em Java ME.
Ficheiros
This website is ACAP-enabled