http://www.imprensaregional.com.pthttp://www.imprensaregional.com.pt/obaluarte
Diretor: João de Sousa Braga | Última Atualização: 24-07-2014
logótipo
 
Edição:
 
Pesquisa:
Newsletter:
Publicidade
Publicidade
Papel Digital
Linha de crédito do INSTITUTO DE APOIO ÀS PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

Informação sobre a linha de crédito do IAPMEI  - INSTITUTO DE APOIO ÀS PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS.

 

Outros papéis:
Previsão do Tempo
Marés
PSI-20
Ficheiros
Informação Regional
Açores mantêm objetivo de ter médico de família para toda a população em 2016
22/01/2014, 10:13

O Governo dos Açores mantém a intenção de haver médico de família para todos os açorianos em 2016, apesar de os clínicos atualmente em formação na região só garantirem que isso aconteça em 2018 na ilha Terceira.

Segundo o secretário regional da Saúde, Luís Cabral, está ainda a decorrer a formação de clínicos no Centro de Saúde de Angra do Heroísmo (CSAH), na ilha Terceira.

"Com os 14 internos que temos em formação, apenas seria possível em 2018 ter uma cobertura assistencial completa. Aquilo com que nós contamos, e por isso a definição da data de 2016, é a possibilidade de captarmos alguns internos em formação noutras ilhas ou no continente, ou contratar médicos já especialistas", referiu o responsável após uma reunião mantida com o Conselho de Administração da Unidade de Saúde da Ilha Terceira.

A ilha Terceira dispõe de 21 médicos de família, estando atualmente em curso a formação, em regime de internato médico, de mais 14 clínicos, repartidos pelos centros de saúde de Angra do Heroísmo (8) e Praia da Vitória (6). Alguns destes médicos iniciaram este ano a sua especialização em medicina geral e familiar, com a duração de quatro anos, o que remete para 2018 a sua conclusão.

O secretário regional referiu ainda contar com estes internos para "entre 2016 e 2018 garantir a substituição de alguns médicos que entretanto vão começar a entrar na reforma".

Reconhecendo "dificuldades a nível regional e nacional" na captação de médicos de família, o responsável recordou os incentivos de fixação para médicos nos Açores que "no primeiro ano podem chegar à ordem dos 1.500 euros por mês".

Luís Cabral informou ainda que o alargamento do horário de abertura do CSAH até às 20:00, iniciada a 02 de janeiro, traduz-se num aumento de 40 consultas por semana e que tal medida será implementada também no Centro de Saúde da Horta, mas ainda sem data prevista.

Atualmente, apenas os centros de saúde de Ponta Delgada e Angra do Heroísmo estão abertos até às 20:00, funcionando os restantes centros de saúde do arquipélago em serviço de atendimento permanente (SAP).

 

Lusa

Partilhar:
Área do Subscritor:
Publicidade
Eventos
Livro de Visitas
18/06/2013, 21:45
Sobre a Revolução dos Cravos, 25 de Abril de 1974, foram esquecidos os acontecimentos da Beira Sofala Moçambique em 17 de Janeiro de 1974. Há um texto da minha autoria publicado a 16 de Janeiro de 2004 no Jornal NOTICIAS do Porto com o titulo A BEIRA (...)
Augusto Macedo Pinto
Farmácias de Serviço
Galeria Multimédia
Fórum
Não existem tópicos novos.
Notícias para Telemóvel
Transferir Clique aqui para transferir a aplicação em Java ME.
Galeria de Imagens
Farol do Espigão - São Lourenço - sem descrição
Farol do Espigão - São Lourenço
This website is ACAP-enabled