http://www.imprensaregional.com.pthttp://www.imprensaregional.com.pt/tvs
Diretor: Sérgio Silva | Última Atualização: 23-11-2017
logótipo
Publicidade
Edição:
Pesquisa:
Newsletter:
Área do Subscritor:
| Minho
Tribunal de Braga julga homem acusado de matar ex-mulher depois a regar com álcool
11/05/2015, 12:43

O Tribunal de Braga começa hoje a julgar um homem acusado de matar a ex-mulher ao regá-la com álcool pegar-lhe fogo, num crime passional que remonta a agosto de 2014.

A vítima, Adélia Ribeiro, 50 anos, funcionária do Hospital de Braga, sofreu queimaduras de 2.º e 3.º graus e morreu 44 dias depois, no hospital.

A Câmara de Braga acabou por dar o nome de Adélia Ribeiro a uma rua da cidade, após um desafio lançado pelo jornal "i" para homenagear as vítimas de violência doméstica.

O arguido é acusado de homicídio qualificado e de violência doméstica.

Os factos remontam ao início da manhã de 14 de agosto e registaram-se à porta do elevador do apartamento do casal, na Rua dos Congregados, em Braga.

Quando a mulher se preparava para entrar no elevador, o arguido regou-a com álcool e ateou-lhe fogo.

Depois, sem prestar auxílio à vítima, foi tomar o pequeno-almoço.

Uma filha do casal, com 16 anos, assistiu ao crime.

Segundo a acusação, há outros registos anteriores de violência doméstica por parte do arguido, como murros e pancadas na cabeça da mulher.


Partilhar:
Comentários
Não existem comentários.
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Ficheiros
This website is ACAP-enabled